Maceió/AL realiza seu primeiro P.A.R.T.Y.

Primeira turma do P.A.R.T.Y. Maceió, com organizadores.

O programa Prevenção do Trauma Relacionado ao Álcool na Juventude (P.A.R.T.Y), em Maceió-AL, contou com a participação de 37 alunos do Colégio de Educação Básica Nova Vida e 2 professoras, no mini auditório da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (UNCISAL), na tarde dessa quarta-feira (3 de outubro de 2018).

Os alunos tiveram transporte até o local, onde foram recepcionados pelos integrantes da Liga Acadêmica de Estudo do Trauma e Emergência da Uncisal (LAETE). Antes das palestras, foi realizado um pré-teste, para que os estudantes pudessem avaliar e comparar seus conhecimentos sobre acidentes de trânsito, negligências, imprudências, serviços de urgência e emergência antes e após as apresentações.

P.A.R.T.Y. Maceió 03/10

Shayanny de Souza, integrante da LAETE, introduziu o P.A.R.T.Y, apresentando as principais causas de mortes em jovens no Brasil e como 90% dessas mortes poderiam ser evitadas. Em nome do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTRAN), o tenente Cícero Emanuel e sua equipe apresentaram a realidade dos acidentes de trânsito em Maceió e no país, além dos efeitos catastróficos da imprudência dos motoristas ao dirigirem sob efeito do álcool.

Representando o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), Dr. Márcio Melo apresentou o trabalho e o cotidiano da equipe do SAMU, além dos momentos em que se deve acionar o 192. O cabo Thaísa Moretti, também integrante da LAETE, representou o Corpo de Bombeiros mostrando a função dessa equipe nos acidentes e, principalmente, a importância da prevenção. Houve ainda o depoimento da Jaciara, que contou sua experiência como vítima de um acidente automobilístico e como ainda hoje carrega sequelas devido a um “descuido”.

Os alunos, além das palestras, tiveram a oportunidade de visitar o Hospital Geral do Estado (HGE), onde presenciaram o ambiente hospitalar, ouviram o depoimento de algumas vítimas, assim como o depoimento dos doutores Amauri Clemente e Paulo Valões sobre o cotidiano na urgência e emergência.

Assim, depois de receberem informações sobre número de mortes e acidentes de trânsito envolvendo jovens, como evitá-los com atitudes simples, como: usar de cinto de segurança, não usar celular e não ingerir bebida alcoólica enquanto dirige e não andar em alta velocidade, os alunos foram orientados a serem disseminadores dessas informações e conscientizarem também outras pessoas.

Confira, abaixo, alguns momentos do primeiro P.A.R.T.Y. Maceió:

 

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s